Buscar
  • Dream Big

Vale a pena fazer intercâmbio de curta duração?

Essa pergunta certamente já passou na cabeça de toda pessoa que em algum momento desejou ou deseja fazer intercâmbio. Podem ser vários os motivos desse questionamento: Seja pela saudade da família e amigos, condição financeira no momento ou pelo medo do desconhecido...Será que vale a pena fazer um intercâmbio de curta duração?


O que muitas pessoas não sabem é que os intercâmbios de curta duração, que acontecem no período entre 1 a 3 meses, são os mais procurados. Sim, isso mesmo! Além de serem relativamente mais baratos que os intercâmbios mais longos, já que a duração da experiência costuma estar diretamente relacionado ao preço, essa modalidade também costuma se encaixar com férias estudantis e de trabalho, fazendo com que os planos ou rotinas dos intercambistas não sejam atrapalhados. É uma excelente forma de unir o útil ao agradável. Ora, não será necessário abrir mão dos seus objetivos aqui no Brasil enquanto que conseguirá viver uma incrível experiência de desenvolvimento pessoal no exterior encaixado exatamente naquele período disponível para o estudante.


Ainda assim, não há como negar que em alguns pontos é necessário levar em consideração, como o desenvolvimento da língua. Se tem um nível muito baixo no inglês, um intercâmbio de 1 mês provavelmente lhe faria conhecer a língua, enquanto um de 3 meses provavelmente faria com que saísse se comunicando, provavelmente não com fluência, mas sem passar vexame em qualquer lugar do mundo. Caso tenha um inglês intermediário, um intercâmbio ou avançado, um intercâmbio curto pode não só relembrar e consolidar o segundo idioma, como também refinar aqueles últimos detalhes que faltavam para fluência.


Outro ponto que não pode ser deixado de lado é a quantidade de locais reduzida que se pode conhecer quando o intercâmbio é mais curto. Durante a experiência tudo é novo e mágico, as pessoas raramente voltam insatisfeitos com o que viram, porém, países com uma extensão territorial muito grande, como Austrália e Canadá podem deixar uma sensação de que faltou experienciar mais situações , e talvez muita coisa hahaha, aquele gostinho de quero mais. Ainda assim, não é o fim do mundo, afinal, é tudo novidade quando você tá lá fora, se focar no que não vai ver acaba deixando de viver aqueles momentos super especiais que estão acontecendo justamente em sua frente.


Mesmo com a duração reduzida, os intercâmbios de curta duração entregam uma vivência muita intensa e desafiadora, é possível conhecer muito lugar e muita gente, seja morando em um grande centro ou em uma cidade menor. A troca de culturas acontece a todo momento e o desenvolvimento pessoal é obrigatório, não tem como fugir! Sendo assim, a resposta pra essa pergunta sem sombra de dúvidas é... SIM! Antes de pensar na duração ou localização o mais importante é se permitir viver a experiência, querer e estar disposto a viver uma experiência desafiante e transformadora!



Se deseja se conectar com um membro intercambista Dream BIG para planejar sua experiência internacional, CLIQUE AQUI.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo